por

O que é e como montar um Business Model Canvas?

Versátil, prático e eficiente, um Business Model Canvas apresenta-se como uma ótima ferramenta para a definição de modelo de um negócio ou avaliação de uma empresa prestadora de serviço, pois possibilita a visualização ampla dos aspectos fundamentais.

Neste artigo, vamos falar sobre o Business Model Canvas, com suas características, indicações, pontos importantes e, principalmente, benefícios apresentados quando aplicado da maneira correta. Se quiser saber mais sobre o tema e manter-se sempre atualizado, continue a leitura e acompanhe!

Business Model Canvas: o que é e por que usar em seu negócio

Também conhecido como Tela de Modelo de Negócios, o Business Model Canvas surgiu em 2010 e pode ser usado como uma espécie de mapa para desenvolver estrategicamente um modelo visual de um negócio e/ou projeto com rapidez e eficiência.

O modelo é baseado essencialmente em uma tela (canvas) na qual são disponibilizados os elementos principais de um modelo de negócios, podendo ser usado tanto por startups e empresas que estão no início, quanto pelas que já funcionam há algum tempo e desejam implementar uma metodologia mais inovadora para o lançamento de novos produtos ou serviços, por exemplo. Entre as vantagens apresentadas pelo Business Model Canvas, estão:

  • A rapidez na extração de propostas de valor que estejam de acordo com os objetivos desejados, potencializando esses aspectos na etapa anterior à formatação do serviço e/ou produto.
  • A identificação rápida do modelo de negócios proposto.
  • A identificação ágil dos elementos mais importantes, facilitando, assim, o foco no que é mais importante em cada etapa.
  • A facilidade no conhecimento aprofundado do projeto/empresa, o que ajuda no alinhamento de todos os envolvidos com os objetivos traçados.
  • A possibilidade de adaptação de acordo com a realidade da empresa em cada momento.
  • O oferecimento de fortes indicadores que facilitam inovações estratégicas sempre que for necessário.
  • A criação de um mesmo entendimento entre todos os envolvidos, por meio de apontamentos e discussão de opiniões.

Modelo Canvas de Negócio na prática: veja como fazer

O modelo Canvas é formado por 9 categorias ou elementos que podem ser organizados em blocos importantes para a composição da empresa. São eles: parcerias-chave, atividades-chave, recursos-chave, proposições de valor, relacionamento com clientes, segmentos de clientes, canais, estrutura de custos e fontes de receita.

Esses 9 blocos estão relacionados a 4 pilares essenciais da empresa (como, o que, quem e quanto) e serão usados para nortear a forma de operação empregada e auxiliar na geração de valor ao cliente.

Como o Canvas é uma ferramenta essencialmente visual, o indicado é que cada bloco seja disponibilizado em uma tabela e com cores diferentes entre si. Veja a seguir como aplicar cada um deles na prática de trabalho cotidiana!

Parcerias-chave

Parcerias Canvas

É importante apontar todas as parcerias estabelecidas que são relevantes para a organização, desde as empresas até os fornecedores. Atitudes nesse sentido ajudam a adquirir mais conhecimento e especialização em cada projeto.

Atividades-chave

Atividades chaves CanvasAs atividades-chave correspondem a todas as ações necessárias até a entrega correta da proposta de valor. É fundamental pensar em todas as etapas, assim como seus processos e pessoas envolvidas, a fim de que a execução aconteça de maneira satisfatória.

Recursos-chave

Recursos chaves CanvasCorresponde a todos os recursos necessários para a execução do projeto. É fundamental apontar todos os recursos, sejam eles físicos (equipamentos e máquinas), intelectuais (marcas, patentes e conhecimento), financeiros (fontes de renda e fluxo de caixa) e de recursos humanos (mão de obra).

Proposições de valor

Proposta de valor Canvas

O foco principal da proposição de valores tem como objetivo básico esclarecer duas questões-chave. São elas:

1. Qual será o principal valor oferecido ao cliente pelo meu produto ou serviço? Se o valor for referente a uma empresa avaliada, é preciso identificar a proposta de valor buscada por ela.

2. Quais necessidades do cliente poderão ser atendidas com o seu novo projeto? Se uma empresa é que estiver sendo avaliada, é preciso analisar quais necessidades da sua empresa estão sendo atendidas por ela.

Com essas respostas em mãos, é possível identificar com maior clareza os propósitos do projeto, o que possibilita um alinhamento correto e, consequentemente, resultados mais satisfatórios.

Relacionamento com clientes

Relacionamento com clientes CanvasTer uma estratégia de relacionamento com seu cliente é muito relevante para o sucesso do seu projeto, por isso é indicado entender bem as necessidades de cada grupo determinado no seu modelo Canvas.

Nesse contexto, a segmentação pode ser bastante eficaz, uma vez que possibilita o agrupamento de acordo com o perfil do cliente, facilitando, assim, a abordagem a ser adotada de acordo com as necessidades e expectativas apresentadas por cada um deles.

Segmentos de clientes

Segmento de clientes CanvasComo geralmente a empresa trabalha com perfis distintos de clientes, o ideal é separá-los em segmentos, pois assim será mais fácil a visualização das principais necessidades de cada grupo. Para definir a organização desses nichos de clientes, pode-se levar em consideração questões como padrão de comportamento, interesses, padrões de interesses e consumo, entre outros.

Canais

Canais CanvasOs canais serão os responsáveis pelo contato que o cliente terá com seus produtos/serviços, portanto é preciso ter atenção especial a essa questão. É preciso definir por meio de quais recursos, vendas, distribuição e demais canais o cliente será atingido e impactado.

Estrutura de custos

Estrutura de Custos CanvasCorresponde a todos os custos envolvidos na execução do projeto ou na estrutura da empresa que está passando pela avaliação. Esse controle é extremamente importante, pois vai determinar se o investimento é financeiramente viável ou se há necessidade de eliminar recursos-chave e manter a saúde financeira durante toda a execução.

Fontes de receita

Fontes de ReceitaPonto essencial para qualquer estratégia, as fontes de receita tem como principal objetivo identificar as projeções de aceitação do produto/serviço por parte do público, determinando assim quais serão os clientes potenciais para ele. É importante ser cauteloso com essa expectativa, pois é ela quem vai concretizar todo o projeto desenvolvido.

Neste artigo, falamos sobre as características e benefícios do Business Model Canvas tanto para novas empresas e startups, quanto para organizações que já estão em funcionamento, mas desejam fazer novos lançamentos de produtos/serviços, ou mesmo avaliar outras empresas de maneira rápida, visual e atraente.

Deixe seu comentário com sua visão, sugestão ou esclarecimento. Será um prazer saber a sua opinião!

Artigos Relacionados


Also published on Medium.